Arquivo diários:31 de julho de 2015

Comunicado do Conselho de Entidades (reunido no dia 30 de julho de 2015)

O Conselho de Entidades da Universidade Federal de São Paulo vem por meio do presente comunicado declarar o apoio à decisão dos Técnicos Administrativos em Educação (TAEs) em suspender o processo de rematrícula do segundo semestre letivo de 2015 dos cursos semestrais de graduação da Unifesp. E também o repúdio a decisão do CONSU em continuar o processo de maneira paralela.

Com a continuidade da greve dos TAEs pela melhoria das condições de trabalho, vários serviços estão temporariamente paralisados, entre eles o da rematrícula dos estudantes de graduação dos cursos semestrais. Decisão decorrente diretamente da mobilização política que resultou na greve e que neste específico ponto coloca em evidência à comunidade universitária a precariedade das condições de trabalho dos técnicos em seu cotidiano, completamente agravado no período de rematrícula, em que o processo é em grande parte feito manualmente pelos técnicos, quando chegam a realizar 30.000 matrículas em um curto espaço de tempo, com sérios problemas estruturais.

O Conselho de Entidades reitera o respeito à decisão da categoria e repudia a decisão do CONSU, reunidos no dia 30 de agosto de 2015, em manter o serviço de rematrícula de forma paralela e improvisada, convocando a pró-reitoria de graduação, as diretorias dos campi e suas respectivas secretarias de graduação. Decisão em completo desrespeito a categoria mobilizada, às suas decisões políticas e a sua luta por uma Universidade com melhores condições de ensino e trabalho. A luta deve ser conjunta por uma Universidade de qualidade e para isso as categorias devem ser mutuamente solidárias.

Neste sentido, o Conselho de Entidades convida as demais categorias da comunidade universitária a dialogar com a pauta de reivindicações dos TAEs que apresenta vários pontos que condicionam diretamente o cotidiano de todos presentes na Universidade.

Considerando sua pauta de reivindicações locais, os TAEs organizarão um ato pelas 30 horas em frente ao Hospital São Paulo nesta próxima terça-feira dia 04 de agosto de 2015 a partir das 11h. Uma ótima oportunidade para retomar o maior diálogo entre as categorias, que devem lutar unidas contra a precarização da Universidade Pública. Todos são bem vindos para prestar sua solidariedade e apoio.

A partir da avaliação da necessidade de maior diálogo entre as categorias – discentes, docentes e técnicos-administrativos – o Conselho de Entidades convoca todos para Assembleia Comunitária no dia 11 de agosto (local e horário a confirmar) com aguinte pauta: conjuntura nacional e local; mobilização das categorias; atos e atividades públicas conjuntas e paridade.

Conselho de Entidades