Arquivo diários:24 de setembro de 2014

59º Conad atualiza plano de lutas e empossa nova diretoria do ANDES-SN

A cidade de Aracaju, capital do Sergipe, foi palco entre os dias 21 e 24 de agosto do 59º Conad do ANDES-SN. O encontro reuniu mais de duzentos docentes – sendo 46 delegados representando Seções Sindicais – e é o segundo fórum mais importante do sindicato, atrás apenas do Congresso Nacional no início de todo ano. O Conad atualizou o plano de lutas da entidade, aprovou suas contas e dou posse à nova diretoria para o biênio 2014-2016, que contará com 83 membros e será encabeçada pelo professor da UFSC, Paulo Rizzo. Ele sucede a docente da UFAP, Marinalva de Oliveira, à frente da entidade desde 2012.

O plano de lutas aprovado prevê para o Setor das IFES uma agenda conjunta com os Servidores Públicos Federais (SPF), e, entre outras ações, fortalecer a CNESF, e preparar a Campanha Conjunta dos SPF em 2015. O Conad ainda aprovou intensificar a luta pela reestruturação da carreira docente, valorização salarial de ativos e aposentados, condições de trabalho e garantia de autonomia das IFE.

Em relação ao tema de Seguridade Social e Assuntos de Aposentadoria, os delegados avançaram na atualização do plano de lutas, em especial no enfrentamento da Ebserh e outras formas de privatização da previdência social em geral, mas também a luta pela aprovação da PEC 555 que beneficia diretamente os docentes aposentados. O Conad ainda aprovou sete moções que demonstram o apoio do Sindicato Nacional a processos de mobilização social, o repúdio à criminalização e judicialização de lutas e greves.

Durante o Conad também foi lançada a nova edição da revista Universidade e Sociedade do ANDES-SN. A 54ª edição traz como tema: “50 anos do Golpe Militar – Dores, Sonhos e Resistência: uma história inacabada”.

As deliberações foram destacadas na Carta de Aracaju, documento síntese do encontro. Segundo o texto, a análise de conjuntura realizada no 59º Conad destacou o aprofundamento da crise mundial, cuja resposta do capital tem se dado a partir da intensificação das medidas de austeridade, que implicam no acirramento dos ataques aos direitos dos trabalhadores. A Carta de Aracaju ressalta ainda que “a realização do Encontro Nacional de Educação, no início de agosto, reunindo mais de dois mil participantes, representou um marco e um importante passo no processo de reorganização do campo classista em defesa da educação pública”. Confira aqui a Carta de Aracaju na íntegra. O ANDES-SN divulgou no dia 12 de setembro o relatório final do 59º Conad. O documento, que traz todas as deliberações que irão pautar a luta dos docentes para o segundo semestre, está disponível no site da entidade e pode ser conferido aqui.

Vitória (ES) será a sede do 60º Conad

A capital capixaba, Vitória, foi escolhida pelos delegados do 59º Conad para sediar a próxima edição do encontro, em 2015. A apresentação da proposta foi feita pela delegação da Universidade Federal do Espírito Santo. Segundo Edson Cardoso, presidente da Adufes, a pretensão é realizar o 60º Conad no campus de Goiabeiras da UFES, que tem fácil acesso à orla da cidade, onde se encontram vários hotéis. “Queremos convidar todas e todos a participar desse evento e divulgar para as seções sindicais que não estão presentes”, explicou.

Matéria produzida a partir de originais do ANDES-SN