Arquivo da categoria: Notícias

AG Docente: Em defesa da Educação e Democracia!

 
Nesta terça-feira, dia 10 de abril de 2018, foi realizada a Assembleia Geral dos Docentes da Unifesp pautando a situação política do país e os cortes no orçamento universitário, com destaque para os auxílios de permanência estudantil. O tom das falas, análises e debate foi de grande indignação frente a nossa conjuntura política, com as constantes investidas contra a universidade pública e principalmente com o ataque à democracia brasileira pela prisão inconstitucional do ex-presidente Lula. Nesse sentido foi reforçada a necessidade de ampliar a mobilização e a unidade entre as categorias docentes, discente e servidores técnicos da Unifesp com uma série de iniciativas propostas, como por exemplo, a formação de comitê em defesa da democracia e organização de Plenária Comunitária. E declarado apoio à mobilização estudantil, sem punição aos grevistas, mas respeitando as diferentes formas de apoio docente assumidas em cada campi.

Continue lendo AG Docente: Em defesa da Educação e Democracia!

1ª Roda de Conversa da Adunifesp: maior união em defesa da universidade e da democracia

No sábado, dia 17 de março de 2018, aconteceu a primeira Roda de Conversa da Associação dos Docentes da Unifesp, iniciativa que teve o propósito de reunir os docentes para uma conversa, ao mesmo tempo para compartilhar as angústias e dificuldades enfrentadas no cotidiano da universidade frente aos constantes ataques aos nossos direitos, e também de forma propositiva buscar uma caminho coletivo para enfrentar esse contexto político de retrocessos. Dentre os encaminhamentos propostos o destaque para o levantamento das demandas e reivindicações dos docentes em seus campi e também para uma série de novos encontros na entidade e nos campi da Unifesp para debater a universidade, o golpe e nossa atual conjuntura política.

Continue lendo 1ª Roda de Conversa da Adunifesp: maior união em defesa da universidade e da democracia

Eleição do ANDES-SN para biênio 2018/20 terá duas chapas

Como todos sabem o ANDES-SN é o Sindicato Nacional dos Docentes de Instituições do Ensino Superior, ao qual, enquanto Associação dos Docentes da Unifesp somos filiados – somos uma seção sindical desse sindicato nacional –, assim como diversas outras entidades como a Adufabc, Adunicamp e Adusp. O sindicato nacional, fundado em 1981, é responsável pela congregação das associações docentes, pela mobilização e estabelecimento de uma pauta de reivindicações comum a todos os docentes das Instituições Federais de Ensino Superior – IFES a nível nacional, expresso em nosso Plano de Lutas Nacional.

Neste ano de 2018, mas precisamente entre os dias 09 e 10 de maio, teremos eleições para nova Diretoria do ANDES-SN, desta vez com duas chapas inscritas: a chapa 01 “ANDES Autônomo e de Luta” tem como candidatos a presidente Antonio Gonçalves Filho, da APRUMA; a secretária-geral Eblin Farage, da ADUFF; e a 1ª Tesoureira Raquel Dias Araújo do SINDUECE; A chapa 02 “Renova ANDES” apresentou como candidatos a presidente Celi Taffarel da ADUFBA, como secretária-geral Maria de Lourdes Nunes da ADUFPI e 1º tesoureiro Everaldo Andrada da ADUSP. Acesse aqui a nominata completa das chapas e aqui o informativo do ANDES-SN em que foram publicados seus manifestos e programas. As chapas ainda contam com a participação de quatro diretores da Adunifesp-SSind, Rodrigo Medina Zagni e Ana Paula Santiago do Nascimento pela chapa 01; Fabio Cesar Venturini e Alberto Handfas pela chapa 02. E também da docente da Unifesp Ana Maria Ramos Estevão pela chapa 01.

A Adunifesp-SSind enquanto entidade não toma partido a favor de uma ou outra chapa, mas acredita que o processo eleitoral é um fundamental exercício democrático, especialmente no atual contexto político. E nesse sentido convida os docentes a participar da eleição da próxima diretoria de nosso Sindicato Nacional.

Reforçamos o convite, portanto, a todos e todas para participar da eleição do ANDES-SN nos dias 09 e 10 de maio de 2018, em breve divulgaremos os locais das urnas de votação assim como dos debates entre os representantes das chapas.

Adunifesp-SSind

Adunifesp-SSind condena manifestação homofóbica ocorrida no campus SJC da Unifesp

No final de fevereiro deste ano, no campus de São José dos Campos da Unifesp, a docente  e diretora da Adunifesp-SSind Luciana Ferreira teve símbolo LGBT, afixado na porta de sua sala há dois anos, rasgado em clara manifestação homofóbica. Uma violência às liberdades individuais e uma agressão ao direito social de tratamento igual e humano a todos e todas. Configurando assédio moral e homofóbico à docente e uma afronta a comunidade LGBT.

Mais um traço do contexto político social que vivemos, em que se afloram publicamente comportamentos preconceituosos e violentos, ameaçando as conquistas democráticas, o próprio Estado Democrático de Direito e suas garantias às liberdades individuais e aos direitos humanos.

A Associação dos Docentes da Unifesp repudia essa manifestação homofóbica, declara apoio à prof. Dr. Luciana Ferreira e estende sua solidariedade ao movimento LGBT!

Adunifesp-SSind

Docentes da Unifesp oferecerão curso sobre o Golpe de 2016

Como ato político contra o ilegítimo governo Temer e suas medidas que retiram direitos da população, atacando diretamente as universidades públicas, a liberdade de cátedra e a democracia, docentes do campus Osasco da Unifesp oferecerão o curso “Golpe de 2016 e o futuro da democracia”. Um curso de extensão, portanto aberto a todos e todas interessadas no tema. Ocorrerá aos sábados das 9h às 12h no campus Osasco (r. Angélica, nº100 – Jd. das Flores) com início programado para o dia 07 de abril de 2018 e inscrições já no início desse mesmo mês no site da Pró-Reitoria de Extensão e Cultura da Unifesp (http://www.unifesp.br/reitoria/proex/).

Outro curso abordando o mesmo tema está sendo organizado por docentes de Guarulhos e em breve termos maiores informações para sua divulgação.

A Associação dos Docentes da Unifesp apoia a iniciativa e pensa ser importante que atividades como essa ocorra nos demais campi da Universidade e envolvendo não só os docentes mas também os estudantes e servidores técnicos-administrativos.

Adunifesp-SSind

Somos todos e todas prof. Carlini!

Nesta quinta-feira, dia 01 de março de 2018, aconteceu o Ato Público em apoio ao prof. dr. Elisaldo Carlini, que foi alvo de mais um ataque judicializante e criminalizante à Universidade Pública e à pesquisa científica no Brasil. O professor foi intimado a depor à polícia de São Paulo sob a inaceitável acusação “de fazer apologia ao crime” devido à sua pesquisa. Reconhecido nacional e internacionalmente por suas pesquisas na área de drogas psicotrópicas e de plantas medicinais; sua atuação ético-político-acadêmica na Universidade sempre esteve pautada em uma ação cidadã, de luta pela democracia, pela liberdade de pensamento e pela justiça e solidariedade social.

O Ato Público contou com uma série de entidades da área da saúde, centros e departamentos de ensino, pesquisa e extensão de diversas universidades brasileiras, parlamentares do estado de São Paulo, representantes máximos da instituição, reitora da Unifesp e diretorias dos campi, massivo apoio de docentes e funcionários da Unifesp, setores organizados da sociedade, assim como a presença de representantes das entidades de classe da universidade, entre eles da Associação dos Docentes da Unifesp – Adunifesp-SSind, Associação de Pós-graduação da Unifesp – APG e Sindicato dos Trabalhadores da Unifesp – Sintunifesp.

Continue lendo Somos todos e todas prof. Carlini!

01/03 – Ato em apoio ao prof. Elisaldo Carlini

A Adunifesp-SSind presta total solidariedade a nosso colega, professor emérito da Unifesp Elisaldo Carlini, que está sendo alvo de mais um ataque judicializante e criminalizante à Universidade Pública e à pesquisa científica no Brasil. O professor foi intimado a depor à polícia de São Paulo  sob a inaceitável acusação “de fazer apologia ao crime” devido à sua pesquisa.

Reconhecido nacional e internacionalmente por suas pesquisas na área de drogas psicotrópicas e de plantas medicinais; sua atuação ético-político-acadêmica na Universidade sempre esteve pautada em uma ação cidadã, de luta pela democracia, pela liberdade de pensamento e pela justiça e solidariedade social.

É COM ESSE MESMO COMPROMISSO QUE NÓS CONVIDAMOS TODA COMUNIDADE ACADÊMICA PARA O ATO EM APOIO AO PROF. CARLINI NO DIA 01/03 ÀS 12H NA ESCADARIA DO LEITÃO DA CUNHA (R. BOTUCATU, 740).

É hora de defendermos a democracia e a universidade! Chamamos toda a comunidade acadêmica da Unifesp a solidarizar-se com o professor Carlini e a repudiar a intimação feita pela Justiça.

Realização: Dep. Medicina Preventiva Unifesp / Apoio: Adunifesp-SSind

Adunifesp-SSind presente na mobilização nacional contra a Reforma da Previdência

Nesta segunda-feira, dia 19 de fevereiro de 2018, dia nacional de mobilização contra a reforma da previdência a Associação dos Docentes da Unifesp esteve presente representando a categoria nessa importante defesa dos direitos dos trabalhadores no ato público na Av. Paulista que chegou a reunir 20 mil pessoas segundo as Frentes Povo Sem Medo e Brasil Popular. O ato na capital paulista, que teve início às 16h em frente ao Masp, o Museu de Arte de São Paulo, terminou pacificamente, por volta das 19h.

Em todo o estado de São Paulo, o dia de paralisação teve adesão de categorias diversas, como os professores da rede estadual e municipal; metalúrgicos da região do ABC, Vale do Paraíba e Baixada Santista, químicos das cidades de Jundiaí e Campinas; bancários de São Paulo, Osasco e Região; além de petroleiros e eletricitários.

Durante a realização do ato, Eunício Oliveira (MDB-CE), presidente do Senado, anunciou a suspensão da tramitação da proposta, que já estava travada no Congresso Nacional por causa do decreto do governo federal de intervenção militar no estado do Rio de Janeiro — a lei afirma que não é possível alterar a Constituição Federal enquanto houver uma intervenção em curso.

Adunifesp-SSind

* Fonte: trechos publicados originalmente em matéria “Nossa aposentadoria é a nossa única garantia de futuro”, de 19/02/18 no jornal eletrônico Brasil de Fato.