Manifesto de alerta em defesa do ensino superior público e gratuito

Dirigimo-nos à categoria docente, à comunidade acadêmica, aos dirigentes das Instituições Públicas de Ensino e à sociedade brasileira neste momento de grave ataque à educação pública e gratuita.

No âmbito do 64o CONAD do ANDES-SN, realizado em Brasília, os docentes tomaram conhecimento do projeto de reforma da “autonomia financeira” da educação superior pública federal, elaborado pelo Ministério da Educação (Jornal Valor, 10/07/19). Esse projeto será apresentado a reitores e pró-reitores de planejamento das Universidades Federais em reunião institucional no MEC e com a exposição do Programa Ministerial no INEP durante a semana de 15 a 19 de julho.

Diante das difusas informações divulgadas pela mídia, mas considerando o documento intitulado “Financiamento da Educação Superior no Brasil – Impasses e Perspectivas”, produzido pelo Centro de Estudos e Debates Estratégicos (Consultoria Legislativa da Câmara Federal), o Programa Ministerial poderá promover o mais profundo ataque à universidade pública, ferindo sua autonomia e impondo categoricamente sua privatização. O documento indica a necessidade de Emenda Constitucional para instituir cobrança de mensalidades e captação de recursos próprios como forma de financiamento das IES públicas. Esse procedimento, significaria a destruição do sistema público e gratuito de educação superior, alterando a atual condição de autarquia das IFES que deixariam de ser subordinadas ao regime jurídico de direito público, o que sinaliza a possibilidade de contratações passarem a ocorrer pelo regime celetista ou de contrato temporário.

Em uma só medida, o Governo pretende: a) pôr fim à carreira pública de servidores federais da educação, estimulando a concorrência perversa com novos ingressos pelo sistema de contratação privada, sem qualquer garantia ou estabilidade de emprego; b) consagrar a desresponsabilização do Estado com o financiamento da educação superior pública, aprofundando os cortes já iniciados, que alcançam não só a sustentabilidade da pesquisa e da assistência acadêmicas, mas também a infraestrutura dos serviços mais básicos e do funcionamento das instituições de educação; c) deter e reverter a lógica inclusiva da educação superior pública federal, que, em que pesem os muitos obstáculos recentes, têm permitido que o espaço das universidades e dos institutos federais se abra progressiva e democraticamente para a entrada de estudantes que expressam a diversidade econômica, racial, e de gênero que caracterizam nosso país.

Essas medidas, se aprovadas, devem se estender aos demais serviços públicos federais assim como à esfera dos Estados e municípios, particularmente às Instituições de Ensino em todos os níveis.

Precisamos estar atentos e preparados para o enfrentamento à altura da gravidade dos ataques anunciados, mobilizando a categoria docente e articulando a luta com todos os segmentos da comunidade universitária, dos IF e CEFET, em articulação com os mais amplos setores sociais para combatermos os ataques deste Programa Ministerial, em defesa da educação pública e gratuita.

Neste contexto, conclamamos a todos e todas para a construção da Greve Nacional da Educação em 13 de agosto e de uma Greve Geral para derrotar a política de privatização dos serviços públicos e a destruição dos direitos e conquistas da classe trabalhadora e do povo brasileiro.

As Instituições Federais de Ensino são um patrimônio da sociedade brasileira, precisamos defendê-las!

Eleições Adunifesp

COMUNICADO Nº 004/2019 – 28/06/2019

ATENÇÃO PROFESSORES:

RESULTADO DA ELEIÇÃO PARA DIRETORIA DA ADUNIFESP-SSIND.

GESTÃO 2019/2021

A Comissão Eleitoral informa que a chapa “UNIDADE, DEMOCRACIA E LUTA” foi eleita conforme resultado abaixo:

– Total de sócios = 809

– Total de assinaturas nas listas = 137

– Total de votos favoráveis = 129

– Total de votos brancos = 4

– Total de votos nulos = 4

Sendo que tínhamos a informar neste momento.

PROF. DR. CARLOS ALBERTO BELLO E SILVA – PRESIDENTE

PROFA. DRA. DEBORA CRISTINA GOULART

PROFA. DRA. ERIKA SUZUKI DE TOLEDO

PROF. DR. MARCOS FERREIRA DE PAULA

Eleições Adunifesp

Comunicado nº 003/2019 – 26/06/2019

Ref.: Alteração horário de encerramento da Eleição da Adunifesp-SSind. no Campus Diadema

Prezados professores,

Informamos sobre alteração no horário de encerramento da Eleição no Campus Diadema, conforme segue:

. 27/06/2019 (quinta-feira)

– Início: 9h30

– Encerramento da Eleição: 12h

Obs.: o local da urna permanece o mesmo – Secretaria dos Departamentos de Química e Ciências Exatas e da Terra/Prédio de Vidro (Rua São Nicolau, 210 – 5º andar).

Atenciosamente,

COMISSÃO ELEITORAL

CARLOS ALBERTO BELLO E SILVA – PRESIDENTE

DEBORA CRISTINA GOULART

ERIKA SUZUKI DE TOLEDO

MARCOS FERREIRA DE PAULA

Assembleia Adunifesp em 24/06:

PARTICIPAÇÃO EM GT DE DISCUSSÃO DAS MEDIDAS DE PRESTAÇÃO DE CONTAS DAS ATIVIDADES DOCENTE E ELEITO DELEGADO PARA O CONAD

Nesta segunda-feira, dia 24 de junho de 2019, foi realizada a Assembleia Geral dos Docentes da Unifesp com a seguinte pauta: 1) recomendações de controle das atividades docente; 2) eleição de delegado para CONAD-ANDES. Após rodada de esclarecimentos da prof. Andrea Rabinovic sobre a iniciativa da Reitoria da Unifesp em propor medidas para controle das atividades docentes e discussão na plenária entre os presentes foram realizados os seguintes encaminhamentos: a) representação da Adunifesp no grupo de trabalho que será criado pela Reitoria – com participação aberta e ampla entre docentes, chefes de departamentos, diretores de campus, pró-reitores – para discussão e elaboração de medidas que ao mesmo tempo servirão para melhor prestação de contas das atividades desenvolvidas pelos docentes como também de proteção contra as investidas do governo. Com relação ao segundo ponto de pauta foi encaminhado a eleição do prof. Fábio Venturini como representante da categoria no CONAD, que será realizado entre os dias 11 e 14 de julho de 2019 em Brasília.

Continue lendo Assembleia Adunifesp em 24/06:

Em defesa da democracia e da autonomia da EPPEN-Unifesp

Tivemos conhecimento de que a chapa 2 encabeçada pelos professores Ricardo Bueno e Ana Carolina Leister que concorreu às eleições para diretoria da EPPEN, do campus Osasco, realizada em março de 2019, entrou com ação no Ministério Público com o intuito de anular o processo eleitoral que elegeu a chapa 1 encabeçada pelos professores Luciana Onusic e Júlio Zorzenon. Toda a documentação referente a tal ação, bem como as respostas da procuradoria da Universidade e da Comissão Eleitoral podem ser acessadas através do SEI número: 23089.105456/2019-56. A Associação dos Docentes da Unifesp (Adunifesp-SSind) considera que tal atitude dos representantes da chapa 2 é totalmente incompatível com a democracia e a autonomia da EPPEN, pelos motivos que se seguem.

Continue lendo Em defesa da democracia e da autonomia da EPPEN-Unifesp

Programa Chapa Unidade Democracia e Luta

Unidade, Democracia e Luta: fortalecer a educação superior e enfrentar o obscurantismo

Ao apresentar os 17 nomes que compõem a chapa UNIDADE, DEMOCRACIA E LUTA para a gestão 2019-2021 da Associação dos Docentes da Universidade Federal de São Paulo, fazemos com a consciência de que este é provavelmente o período mais dramático para a própria existência das instituições federais de ensino superior, técnico e tecnológico no Brasil, os principais alvos das forças do retrocesso civilizatório que ocupam a Presidência da República e os Ministérios de Estado.

Continue lendo Programa Chapa Unidade Democracia e Luta

Eleições Adunifesp – Locais da Urnas

Comunicado nº 002/2019 – 19/06/2019

ELEIÇÃO DA ASSOCIAÇÃO DOS DOCENTES DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO – SEÇÃO SINDICAL – GESTÃO 2019-2021

DIAS: 25, 26 e 27/06/2019

DIVERSOS HORÁRIOS E LOCAIS (VIDE ABAIXO)

ELEITORES: SÓCIOS DA ADUNIFESP, INCLUINDO APOSENTADOS.

URNAS NOS SEGUINTES LOCAIS:

  • CAMPUS BAIXADA SANTISTA

Dias 25, 26 e 27/06

. Edifício Central (Rua Silva Jardim, 136 – Térreo), com Sra. Lilian Sodré

25/06 – das 9h às 12h e das 14h às 17h

26/06 – das 9h às 12h e das 14h às 17h

27/06 – das 14h às 17h

Nos demais horários a urna ficará disponível nos corredores dos departamentos.

  • CAMPUS DIADEMA

Dias 25, 26 e 27/06

. Secretaria dos Deptos. de Química e Ciências Exatas e da Terra/Prédio de Vidro (Rua São Nicolau, 210 – 5º andar) – das 9h30 às 12h e das 14h às 16h30

  • CAMPUS GUARULHOS

Dias 25, 26 e 27/06

. Diretoria Acadêmica (Estrada do Caminho Velho, nº 333 – Jardim Nova Cidade) – das 14h às 19h

  • CAMPUS OSASCO

Dias 25, 26 e 27/06

. Secretaria Integrada – Sala 302 (Rua Angélica, 100 – 3º. andar) – das 8h às 20h

  • CAMPUS SÃO JOSÉ DOS CAMPOS

Dia 25 e 26/06

. Instituto de Ciência e Tecnologia – das 17h às 19h

  • CAMPUS SÃO PAULO

Dias 25, 26 e 27/06

. Estacionamento HSP (Rua Napoleão de Barros, 715 – 2o. subsolo) – das 8h às 14h

. Sede da Adunifesp-SSind. (Rua Napoleão de Barros, 837/841) – das 10h às 17h

  • CAMPUS ZONA LESTE

Dia 25 e 26/06

. Instituto das Cidades (Avenida Jacu-Pêssego, 2630 – Itaquera) – das 8h às 20h

______________________________________________________________________________

APURAÇÃO:

Dia: 28/06/2019

Horário: 11h

Local: Sede da Adunifesp-SSind.

A SALA DE REUNIÕES DA ADUNIFESP ESTARÁ LACRADA A PARTIR DO DIA 19/06 À TARDE, ATÉ O DIA 28/06, AO FINAL DA APURAÇÃO, FICANDO A MESMA PARA USO EXCLUSIVO DA COMISSÃO ELEITORAL.

COMISSÃO ELEITORAL

CARLOS ALBERTO BELLO E SILVA – PRESIDENTE

DEBORA CRISTINA GOULART

ERIKA SUZUKI DE TOLEDO

MARCOS FERREIRA DE PAULA